+55 (11) 5183-5187  ou  5183-5096

contato@boog.com.br

LIDERANÇA E GERÊNCIA DE CRISES

Gustavo G. Boog

Todo gestor precisa equilibrar duas polaridades: a estabilidade e a instabilidade. A estabilidade é fundamental para que se tenha previsibilidade, estrutura e processos que funcionem. Com a estabilidade reforçamos a confiança no sistema, e temos certeza de que aquilo que foi combinado será cumprido. Mas o excesso de estabilidade leva ao engessamento, à burocracia, onde seguir um procedimento é mais importante que atingir resultados, onde o cumprimento de regras rígidas não agrega valor.

Na outra ponta, a instabilidade é também fundamental, pois dela derivam a inovação e a criatividade. Com a instabilidade mantemos os sistemas “vivos”, atendendo às mutáveis necessidades dos clientes, usuários e cidadãos. Mas o excesso de instabilidade leva ao caos, onde todos os alicerces ruíram e tudo se torna imprevisível.

Como se vê, o grande desafio é liderar para buscar o equilíbrio entre a estabilidade e a instabilidade, fundamental ao bom funcionamento dos sistemas. Os profissionais de qualquer empresa, organização ou instituição, pública ou privada, precisam ter uma clara delegação, onde a responsabilidade, o poder decisório e a prestação de contas estejam muito bem equilibrados e voltados a servir os objetivos mais elevados. Desequilíbrios podem ocorrer, e cabe aos líderes buscar, resgatar e reforçar este equilíbrio. Quando, por exemplo, não há prestação de contas e os atos não levam a conseqüências, o delegar se transforma em “delargar”.

Dentro destes conceitos, quero focar a crise aérea que vivemos em nosso país, na ótica da indignação, da responsabilidade e da esperança.

Indignação!!!
Este é o meu estado de espírito ao assistir e sofrer com o “caos aéreo” que se instalou no Brasil. Como milhares de brasileiros, preciso viajar com freqüência para os mais diferentes pontos de nosso país, e desde setembro de 2006 viajar se tornou uma grande aventura. Já tive que adiar trabalhos pois era impossível o deslocamento. O transporte aéreo cresceu muito e não houve investimentos correspondentes em pessoal, em treinamento e em equipamentos. Tudo era previsível, tivemos muitos discursos e poucas ações.

Assumir as responsabilidades!!!
Responsabilidade é a habilidade de responder. E decidir. E agir. E assumir as conseqüências de seus
atos. O “caos aéreo” evoca em mim a imagem de uma orquestra sinfônica, com muitos maestros, onde os músicos não têm os instrumentos adequados e afinados,  e não se entendem, pois cada maestro tem partituras diferentes; alguns músicos, por falta de treinamento, não sabem nem ler as partituras, e algumas são ilegíveis. E nós, que queremos ouvir boa música, só ouvimos gente desafinada. Até quando?

Esperança!!!
Temos gente competente, temos instalações adequadas, temos modernidade. O que se precisa neste momento de crise é um direcionamento e alinhamento de ações, é construir uma visão de como queremos que sejam os aeroportos, o controle aéreo, as empresas aéreas, o preparo dos profissionais. É preciso integração das equipes. Sou otimista e existe uma boa saída para esta crise. Mas é preciso agir e construir essa visão integradora,  colocar-se a serviço de uma causa maior, de assumir a responsabilidade por seus atos, de estar preparado e competente para exercer seu papel, de coragem para impedir que os estreitos interesses setoriais prevaleçam sobre o “bem maior”. Precisamos de verdadeiros líderes que coloquem o enorme potencial que temos disponível a serviço da excelência. Precisamos de competências de gestão.

Acredito no sucesso, que sairemos fortalecidos desta crise, que seremos bem sucedidos. Selecionei algumas frases inspiradoras:

•    As grandes história de sucesso foram criadas por pessoas que reconheceram um problema e o transformaram em uma oportunidade Joseph Sugarman
•    As pessoas que conseguem sucesso neste mundo são as que se levantam e buscam as circunstâncias que desejam e, se não conseguem encontrá-las, criam essas circunstâncias George Bernard Shaw
•    O único lugar onde sucesso vem antes do trabalho é no dicionário Albert Einstein
Ver Todos os Artigos

SOLICITE ATENDIMENTO


captcha